O que é Marketing Digital

O que é Marketing Digital

Introdução ao Marketing Digital, com pequeno apanhado dos canais e técnicas mais utilizadas.

O que é Marketing Digital?

Costumo dizer que o Marketing Digital se apresenta como uma proposta de convencimento e namoro, nos meios digitais, entre um produto ou serviço a um pretenso cliente, utilizando-se da internet, do GPS, das redes sociais, por meio de mecanismos de buscas, celulares, tablets e outros. Logo mais será por meio de veículos autoguiados e da realidade virtual – há quem diga, que daqui a 10 anos, 20% dos domicílios terão um óculos de realidade virtual.

Quando meus clientes ou amigos me perguntam, explico que uma pessoa que navega pela internet, pode apresentar-se, basicamente, em duas situações: com objetivo definido ou à deriva. Aquela, que possui um objetivo, tem uma perspectiva do que procura – pode ser para um problema ou para uma curiosidade, enfim, tem um norte, digamos que é um navegador com bússola. Doutra forma, aquela que está à deriva, pode estar simplesmente, passando o tempo, dando uma pesquisada no alheio. O que nos importa, afinal, é buscarmos uma oportunidade de trazê-las ao nosso porto, convidá-las a atracar em nosso cais, convencendo-as de que temos o que elas procuram ou de que elas podem – eventualmente – se interessar pela nossa proposta.

Para a primeira personagem, o Profissional de Marketing deve oferecer fácil localização do site ou do blog nos mecanismos de busca, como Google, Bing ou Yahoo, pois, nosso ‘alvo’ possui palavras mágicas, palavras-chave – que chamaremos mais tarde de Keywords – e digitará nos campos de busca, tão conhecidos nosso.

Neste cenário, a fim de fisgar a oportunidade, o Profissional de Marketing deve pensar e traçar estratégias de localização em mecanismos de busca, de forma gratuita (chamada de orgânica) ou custeada (chamada de patrocinada), pensará em uma estratégia reativa, pois estamos respondendo a estímulos do nosso ‘alvo’.

Para a segunda navegante, se lembra? aquela à deriva, o Profissional de Marketing deverá estudar uma estratégia ativa, voltada para chamar sua a atenção, sugerindo uma pauta, um assunto que possa interessar, por meio de um apelo natural, como “quer emagrecer ? pergunte-me como” que deu muito certo no final dos anos 90, quem não se lembra de ter visto um adesivo desses por ai, ou uma sugestão de um novo celular, um novo carro, que por vezes ela nem sabia que precisava, nós – Agência – que sugerimos algo a ela, de forma sútil. Neste caso, de forma custeada, proativa, o esforço surge do lado de dentro do balcão, do lojista, do produto.

O Marketing Digital possui, dentre outras, duas estratégia que considero importantíssimas e muito utilizadas, de forma bastante simplificada, as respostas às buscas em sites de buscas de forma natural, gratuita – chamaremos de Buscas Orgânicas e as ações proativas, por meio de anúncios, que chamaremos de Links Patrocinados, estes pagos.

Para melhorar o desempenho de determinada página nos resultados de busca do Google, por exemplo, com foco nas Buscas Orgânicas, o Profissional de Marketing terá que investir em estratégias mais técnicas, de melhoramento do site, com administração de títulos, url, nomes das imagens, entre outros, modificações que trarão melhor posicionamento nas buscas do Google, afinal, que em presa ou profissional não deseja figurar entre os primeiros resultados da busca.

Em outra aposta, para promover a empresa, produto ou serviço por meio de Links Patrocinados, deverão ser empenhados outros canais, estes mais custosos, como Facebook, Twitter, Instagram ou no próprio Google, Bing ou Yahoo. Trabalho igualmente técnico, a Agência deverá estudar uma série de métricas e perfis, segmentando-os e apostando em cada perfil, de forma individualizada.

A grande sacada de todo o negócio chamado Marketing Digital é saber qual deve ser o momento de se utilizar uma estratégia ou outra, escolher o canal de promoção da oportunidade ou da marca – Blog, Redes Sociais, mandar E-mails, entre outros, entender os objetivos e as necessidades do ‘alvo’, saber medir se a estratégia está surtindo bons resultados ou não, de forma que não haja comprometimento de esforços e gastos de energia em pontos que não deveriam ser explorados, pelo menos por hora. Daí, a necessidade de se optar por uma Agência de Marketing e Comunicação Digital condizente com a proposta do Cliente, alinhada com seus ideais, com suas convicções e que seja competente, profissional e transparente nas ações.

Obrigado,

André Matiello
Equipe AMCDigital

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Iniciar conversa
Podemos ajudar?