Comércio em SP tem segundo mês seguido de queda do faturamento em Julho

Comércio em SP tem segundo mês seguido de queda do faturamento em Julho

Por outro lado, em relação a julho de 2016, houve crescimento de 0,8%

O faturamento do comércio varejista em SP no mês de julho registrou queda de 1,8% na comparação com junho deste ano, de acordo com a pesquisa ACVarejo feita pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP). Este é o segundo mês seguido com retração, já que entre maio e junho o faturamento decresceu 3,2%. Por outro lado, em relação a julho de 2016, houve crescimento de 0,8%.

Entre as justificativas para o resultado, a entidade destacou o efeito positivo do Dia dos Namorados nas vendas de junho, que afetou a base comparativa do índice de julho. A queda ante junho foi puxada pelos setores de lojas de departamentos, eletrodomésticos e eletroeletrônicos (-8,6%); outros tipos de comércio varejista – que abrange as vendas de combustíveis, livros, jornais, artigos de papelaria, recreativos e esportivos (-5,9%); farmácias e perfumes (-3,3%); concessionárias de veículos (-2,2%); e autopeças e acessórios (-0,2%).

Por outro lado, algumas atividades registraram aumento: lojas de móveis e decorações (8,1%); lojas de material de construção (5,4%); e supermercados (1,6%). No acumulado do ano, o faturamento do comércio em todo o Estado de São Paulo registrou crescimento de 3,2%, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

O setor de “Lojas de departamentos, eletrodomésticos e eletroeletrônicos” foi o que mais se destacou, com crescimento de 12,5%. Já o setor “Outros tipos de comércio varejista” registrou queda de 2,7% no período.Ao analisar o volume de vendas, o mês de julho registrou queda de 1,9% em relação à junho, enquanto na comparação com julho do ano passado houve crescimento de 1,3%. Já no acumulado de 2017, ocorreu aumento de 1,6%.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Iniciar conversa
Podemos ajudar?